• Ipirá Fértil

Fazenda de Cacau em Igrapiúna inicia uso do Remineralizador de Solo da Ipirá Fértil

Um dos objetivos é avaliar a eficiência do remineralizador de Ipirá e do composto de microrganismos como uma nova abordagem a fim de que os produtores rurais saiam da dependência dos adubos e fertilizantes químicos.

A Ipirá Fértil e a Georaiz, empresas parceiras que vêm promovendo uma série de visitas técnicas em diversas cidades baianas, apresentando o Remineralizador de Solo de Ipirá que tem sido cada vez mais utilizado nas lavouras, como forma alternativa aos fertilizantes químicos, acessível e fácil aplicação.


Desta vez, os representantes das empresas estiveram na Fazenda Nova Esperança, em Igrapiúna, no Baixo Sul da Bahia, iniciando uma importante parceria de trabalho para a introdução do remineralizador (rico em potássio, ferro e mais de 70 minerais) e do Composto Orgânico Biogem para a remineralização de solo nas culturas locais.

Leandro Ramos, proprietário da fazenda, explicou que vem acompanhando os experimentos com o pó de rocha e que é entusiasta desta alternativa natural para a remineralização do solo nas culturas agrícolas.


De acordo com o engenheiro agrônomo, Joelson Orrico, responsável técnico pelo programa Cacau Mais, no Baixo Sul, o trabalho a ser realizado é de avaliar a eficiência do remineralizador de Ipirá e do composto de microrganismos como uma nova abordagem a fim de que os produtores rurais saiam da dependência dos adubos e fertilizantes químicos, ora em escassez e com preços cada vez mais altos.


Viviane Oliveira, geóloga da Georaiz, informou que essa nova tecnologia de biomineralização modifica os parâmetros de fertilidade do solo e seus benefícios para as culturas do ponto de vista de produtividade.

Além de devolver a fertilidade do solo, o uso do biológico diminui a incidência de doenças levando em consideração que o produto aplicado é composto do próprio bioma da Mata Atlântica saudável dentro de um ambiente em equilíbrio.


“A gente vai devolver esse equilíbrio às culturas para que essa potência microbiológica possa favorecer a fertilidade das culturas aqui na região”, disse Viviane.

O representante da Ipirá Fértil, Ronildo Couto, disse que espera resultados também positivos em Igrapiúna, assim como tem sido nos outros municípios baianos e de outros estados que já utilizam o remineralizador de solo de Ipirá.